Ímas



imas01.jpg imas02.jpg imas03.jpg imas04.jpg imas05.jpg imas06.jpg imas07.jpg imas08.jpg


1) Os ímas são de neodímio. São bastante fortes e devem ser manipulados com cuidado.

2) Usei ímas de 1cm de altura por 3cm de diâmetro (4 redondos). Usei também ímas retangulares, de 1cm de altura, 2cm de largura e 4cm de comprimento. Usei ímas diferentes apenas para fazer experiência com qual era melhor trabalhar. Parece que os redondos são melhores (e mais baratos). A primeira vez que fiz, usei apenas 4 ímas e uma fixação com diàmetro muito pequeno. Gerou pouca coisa.

3) Comprei os ímas no Mercado Livre, com o Frankozuz. Ele tem muitos tamanhos, e o preço é bem bom (embora sejam ímas caros).

4) Não vale a pena tentar fazer um gerador com ímas pequenos. Quanto maior o íma, melhor.

5) Fixei os ímas numa madeira de 1cm de espessura, com uns 30 cm de diámetro. Mas a madeira empenou e não deu uma distância regular entre os ímas e as bobinas. Depois usei uma madeira de compensado, que é mais difícil de empenar. Distribui os ímas igualmente na madeira, alternei entre redondos e retangulares.

6) Os ímas devem ser colocados com os pólos alternados, ou seja, se um íma ficou com o pólo norte para cima, o íma seguinte deve ficar com o pólo sul para cima, depois de novo o norte para cima e assim sucessivamente.

7) Os ímas passam bem em cima das bobinas, a uma distância de 1mm. Esta distância é difícil conseguir com material caseiro e equipamento amador, mas dá para fazer (eu consegui...).